Prefeitura  Prefeitura de Petrolina
logo petrolina
PREFEITO MUNICIPAL DE PETROLINA
Miguel de Souza Leão Coelho

Carreira profissional e política

 
  Nascido no Recife, Miguel Coelho teve a carreira profissional iniciada em São Paulo, onde se graduou advogado na área empresarial. Em paralelo à atuação no campo do direito, Miguel Coelho iniciou sua trajetória política aos 23 anos, ao se candidatar a deputado estadual pelo PSB. Foi eleito com expressiva votação no sertão e Vale do São Francisco, com destaque para municípios como Petrolina, Ouricuri, Lagoa Grande, Santa Filomena e Dormentes.  
  Na Assembleia Legislativa de Pernambuco, Miguel Coelho priorizou temas ligados à educação, agricultura, economia, segurança hídrica e desenvolvimento regional. No início do mandato foi designado presidente da Comissão de Agricultura, Pecuária e Política Rural. O socialista ganhou notoriedade ao criar a União pelo Nordeste, um movimento suprapartidário que pretende reunir parlamentares e lideranças políticas nordestinas para a criação de uma política de estado voltada para o desenvolvimento do semiárido. O mandato do socialista também ficou marcado pela Comissão do PAC, um colegiado criado por Miguel para investigar os atrasos de obras do Programa de Aceleração do Crescimento, como a transposição do rio São Francisco e a transnordestina.  
  Em julho de 2015, Miguel Coelho foi escolhido pelo diretório estadual socialista para presidir a comissão provisória do PSB de Petrolina. O deputado colocou como metas principais organizar o grupo petrolinense a fim de transformar a comissão em diretório municipal. O deputado também pautou o cargo em função de ampliar o número de filiados e fortalecer o relacionamento do PSB de Petrolina com os movimentos sociais.  
  Em 2016, Miguel Coelho foi candidato a Prefeito de Petrolina pelo PSB na coligação "Petrolina com a Força do Povo" composto pelos partidos: PSB, PDT, PRTB, DEM, PSDC, PPL, PEN, PSC, SD, PR, PSD, PV, PTC, PSDB, PRP e REDE; tendo como candidato a Vice-Prefeita Luska Portela (DEM).[7] Miguel terminou por vencer o pleito com 38,8% dos votos válidos, derrotando seus adversários, Odacy Amorim (PT), Edinaldo Lima (PMDB), Adalberto Cavalcanti (PTB) e Perpétua Rodrigues (PSOL).  

Condecorações

 
  Destaque jovem político Grupo de Executivos do Recife (GERE);
Medalha do Mérito Policial Militar.